Como funciona o Imposto de Renda para influencer digital?

Se você trabalha na internet como influencer e quer ganhar mais dinheiro, precisa saber como funciona suas obrigações em relação ao Imposto de Renda.

Poucos influencers conhecem suas obrigações legais como o pagamento de impostos, por exemplo. E é sobre isso que iremos falar no artigo a seguir.

Mas para quem não sabe, os influencers tem como profissão construir um relacionamento com o público, gerando credibilidade. Desse modo, conseguem faturar um bom dinheiro com patrocínios, divulgações e parcerias com empresas que querem investir no marketing de influência.

Por que se preocupar com a tributação para influencer digital?

Esta é uma atividade nova a respeito das obrigações dos influencers digitais. Por isso, podem surgir algumas dúvidas. Mas isso não significa que o influenciador não tenha obrigações legais que exigem atenção.

Como já dito antes, os valores recebidos pelo trabalho do influenciador são sujeitos a tributação, ou seja, em alguns casos é necessário pagar o Imposto de Renda. E ele pode optar por tributar como Pessoa Física ou Pessoa Jurídica.

Como Pessoa Física, o influencer precisa recolher o Imposto de Renda por meio do Carnê-Leão. A alíquota, nesse caso, pode chegar até 27,5%.

Se o influencer optar por abrir uma empresa, precisará recolher o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica, CSLL, PIS, COFINS e ISS.

Apesar de aparentar ter mais quantidade de tributos a serem pagos, isso não significa que o valor será mais alto.

Na verdade, optando pelo Simples Nacional, a alíquota de impostos começa em 6%. 

Por isso, o empreendedor digital sempre precisa analisar a opção mais vantajosa. A seguir iremos mostrar uma opção simples que pode ajudar a declarar seu Imposto de Renda como influencer para estar em dia com a Receita Federal.

Vantagens da abertura de empresa para influencer digital

O digital influencer que atua como Pessoa Jurídica, ou seja, tem uma empresa aberta, já tem o diferencial competitivo de poder emitir notas fiscais.

Muitos contratantes dão preferência para quem atua dessa maneira, porque assim não precisam arcar com encargos trabalhistas e outras despesas.

Outra vantagem muito importante é que como Pessoa Jurídica, o influencer pode diminuir a sua tributação.

Atenção: Quando o influenciador digital recebe até R$ 1.998,00 por mês, não precisa declarar nem fazer o pagamento de impostos.

Mas, quando seus ganhos passam desse valor, é preciso declarar seus lucros e despesas e pagar o imposto mensalmente por meio do carnê-leão.

Dessa forma, o imposto pode chegar até a 27,5% sobre todo o valor recebido mensalmente. Além disso, ele ou ela precisa pagar 20% de INSS, o que pode chegar a R$ 6.101,06.

Ou seja, quando você começa a faturar um pouco mais, a melhor opção é abrir empresa e ficar com uma tributação que varia de 7% a 12%.

Como influencer pode abrir empresa?

Antes de começar o processo para abrir empresa, você precisa fazer um planejamento que reúna todas as informações essenciais para o seu negócio.

Dessa forma, com as informações do seu público, mercado e definições sobre como você vai atuar, você já conseguirá elaborar a certidão de nascimento de seu negócio, que é o contrato social.

As atividades (CNAES), interesses e participações de sócios, objetivo, informações do setor e regime tributário (Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido) também devem ser registrados.

Portanto, é preciso definir o tipo de empresa: Empresário Individual, Sociedade Limitada Unipessoal ou uma das sociedades.

Tenha em mãos o contrato social, 2 cópias autenticadas de RG e CPF e Comprovante de residência do empreendedor ou sócios, e o IPTU ou comprovante de locação do imóvel em que irá atuar.

Vá até a Junta Comercial ou Cartório das Pessoas Jurídicas para registrar estes documentos. Depois é só fazer o registro na Receita Federal para obter o CNPJ. A Inscrição Municipal e o Alvará de Funcionamento são emitidos pela prefeitura local.

Desse modo, fazendo o cadastro no INSS para recolher os impostos trabalhistas, sua empresa já estará aberta e regularizada.

Como fica o influenciador que também é youtuber?

Se você possui um canal no Youtube e recebe rendimentos mensais superiores a R$ 1.903,98, precisa contribuir com o Imposto de Renda.

Quando um influenciador tem um canal no YouTube que já é monetizado, precisa seguir as regras tributárias de recebimentos do exterior.

Os pagamentos são recebidos por meio do Google AdSense e é necessário fazer um cadastro de câmbio em seu banco e cadastrar códigos internacionais na conta do AdSense.

Mas a conversão de dólar em real é feita no próprio banco e o youtuber recebe o valor em que o dólar estiver cotado no dia.

O empreendedor precisa declarar esses recebimentos do exterior em sua declaração de imposto de renda e pagar os impostos de todo o valor recebido, de acordo com a alíquota de seu regime tributário.

Youtubers e o Imposto de Renda

A contribuição em questão é realizada por meio do preenchimento do Carnê Leão Web no Portal E-CAC e emissão da guia para pagamento do imposto.

No entanto, precisamos alertar que o valor da guia do imposto de renda pode comprometer os seus rendimentos, principalmente se a sua renda mensal for superior a R$ 4.664,68, o que resulta em uma alíquota de contribuição de 27,50% ao mês.

Confira a tabela a seguir:

Base de cálculoAlíquotaParcela a deduzir
Até 1.903,98IsentoIsento
De 1.903,99 até 2.826,657,50%R$ 142,80
De 2.826,66 até 3.751,0515%R$ 354,80
De 3.751,06 até 4.664,6822,50%R$ 636,13
Acima de 4.664,6827,50%R$ 869,36

O imposto sobre a renda do youtuber que atua como pessoa física é elevada, não é mesmo? 

Neste caso, a solução para garantir uma boa economia pode ser a abertura de um CNPJ, ou seja, uma empresa para youtubers.

Quanto o youtuber paga de imposto?

Agora que explicamos como youtuber declara IR sendo pessoa física, é hora de entender como funciona a tributação para youtubers pessoa jurídica, ou seja, aqueles que decidem abrir um CNPJ.

Quem decide abrir uma empresa para youtuber deve registrar o seu negócio no seguinte CNAE:

“5911-1/99 – Atividades de produção cinematográfica, de vídeos e de programas de televisão não especificadas anteriormente.”

Contudo, nesse tipo de atividade, será possível optar pelo Simples Nacional ou Lucro Presumido e em ambas as opções pagar menos impostos que uma pessoa física.

Vejamos como funciona cada opção:

Fonte: Já calculei / Migalhas / Soluzione

Declarecerto o seu Imposto de Renda!

Agora que você sabe como funciona o Imposto de Renda para influencer digital, viemos te mostrar uma solução simples e segura para você enviar corretamente a sua declaração e não ter preocupações.

Com a Declarecerto, além de simular seu IR para que não tenha erros, a nossa plataforma calcula todos os possíveis cenários para a sua declaração, te dando mais chances de ganhar maior restituição e ainda a envia para a Receita Federal.

Portanto, se você quer se livrar da dor de cabeça que é declarar Imposto de Renda, faça sua declaração com a Declare e ainda economize seu tempo e dinheiro!
Vem com a gente!

DECLARECERTO PREMIUM

80% DE DESCONTO

de R$399,90 por somente

R$ 79,99

EM ATÉ 6X SEM JUROS

 E pague somente na hora do envio.

Descomplique sua declaração de
Imposto de Renda com a Declarecerto e economize seu tempo e seu dinheiro!